5 Dicas para Proteger Bem os Seus Dados no HD

Vinicius Tarouco
da Kasterweb

Estamos passando por uma revolução no armazenamento de dados. Os discos rígidos estão para entrar em extinção, enquanto HDs SSDs entram no mercado com muito mais segurança no armazenamento de seus dados.

Enquanto HDs convencionais (ainda muito comuns no Brasil, devido ao preço relativamente menor) podem ser danificados pelo menor movimento, enquanto ligados, ou até mesmo por uma descarga elétrica, os SSDs, além de mais seguros, possuem também maior velocidade para as transferências de dados.

5_dicas_proteger_os_dados_hd__

diferença de um HD e um SSD. Foto: techtudo

Mesmo assim, muitos de nós continuam usando HDs convencionais e, enquanto os HDs SSDs não diminuírem de preço, provavelmente continuaremos usando eles por mais algum tempo. Por isso aqui vão algumas dicas para você cuidar bem dos seus dados!

5 Dicas para Proteger Bem os Seus Dados no HD

1 – Não balance o computador: Caso seja usuário de computador de mesa (os famosos “desktop”), evite ao máximo movimentá-lo enquanto estiver ligado, ou até mesmo na tomada ou com a fonte ligada. O HD possui uma bateria interna que remove a cabeça magnética do disco. Esta cabeça, se tocar diretamente no disco, pode causar buracos pequenos que chamamos de “Bad Blocks”, evitando assim o armazenamento na determinada região. Com isso, começa a travar seu computador quando estiver o manuseando. Toda vez que o sistema operacional tentar gravar algum dado naquela determinada região, travará. Um dica: use o programa “HD Tune” para identificar se o seu HD possui “Bad Blocks”.

5_dicas_proteger_os_dados_hd

Exemplo de “Bad Blocks” no seu HD a partir de um programa. foto: wearemadrid

2 – Tome cuidado ao comprar HDs rápidos: Existem HDs que possuem uma RPM (rotação por minuto) mais rápidos, assim agilizando a transferência de dados. Porém, ele vem com um risco, fica muito mais fácil dele danificar por qualquer mexida brusca durante  o funcionamento. Principalmente se for para notebooks. Recomendamos o de 7200 RPM, que fica na média entre velocidade e segurança. A partir de 9200 já possui um grau de risco maior.

3 – Cuidados com o Notebook: Os notebooks são famosos por estarem sempre em lojas de manutenção, pois é comum as pessoas movimentarem eles enquanto ligados. Isso também é um perigo. Apesar de bem acoplados na maioria das vezes, isto não evita de ocorrerem os famosos “Bad Blocks”. Então, se for se movimentar, é sempre aconselhável que desligue o notebook antes!

4 – Cuidado com vírus: é sempre bom usar um anti-vírus, não por que ele remove alguns, mas por que ele previne muitos de entrarem. Existem vírus que podem esconder ou até mesmo apagar seus arquivos. Por isso é muito importante possuir um anti vírus de qualidade para seu computador!

5 – Energia: Outro fator importante é cuidar com as quedas de energia ou as famosas “meia-fase”. Isso pode acarretar em diversos problemas dos mais derivados. Desde morte da bateria interna do HD quanto danificar a região sata (que conecta o HD a placa mãe). Por isso, se for trabalhar, é interessante remover da tomada, caso não possua um NoBreak!

Viu? Com cuidados básicos é possível aumentar o tempo de vida de seu HD (e consequentemente seus arquivos). Mas e o que esta esperando para evoluir e adquirir um HD SSD?

The following two tabs change content below.

Vinicius Tarouco

Jornalista, crítico e analista SEO, Vinicius Tarouco é apaixonado por livros, tecnologia e jogos eletrônicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *